31.7 C
Catanduva
sábado, março 2, 2024
spot_img
InícioCatanduvaEMCAa inicia levantamento de índice de larvas do Aedes aegypti

EMCAa inicia levantamento de índice de larvas do Aedes aegypti

A EMCAa (Equipe Municipal de Combate ao Aedes aegypti) iniciou nova rodada de Avaliação de Densidade Larvária (ADL), na segunda-feira, dia 3. Parte dos agentes foi direcionada ao levantamento. Para isso, eles visitarão 3.000 imóveis: residenciais, comerciais e pontos estratégicos. Os locais a ser percorridos são definidos de forma aleatória, por meio de sorteio das áreas territoriais do município – ao todo cinco áreas.

Na vistoria, se identificada a larva em algum local, o material é coletado e segue para análise laboratorial, que irá aferir o percentual de infestação. A previsão é de que o levantamento seja concluído até o dia 18 de julho. O resultado da aferição é utilizado para nortear as ações de combate ao mosquito que transmite doenças como dengue, chikungunya, zika e febre amarela.

O ADL é realizado a cada três meses (janeiro, abril, julho e outubro) e têm o objetivo de identificar os níveis de infestação das larvas do mosquito. Em abril, o município não fez a aferição devido à situação de epidemia de casos. Diante disso, o parâmetro mais recente é referente a janeiro de 2022. Na ocasião, Catanduva apresentou índice insatisfatório, de 7,4% e, na época apresentava risco de epidemia de dengue, o que de fato ocorreu. O recomendado pela Organização Mundial de Saúde é de 1%.

Paralelamente ao levantamento, os agentes permanecem envolvidos com a força-tarefa no combate à dengue que inclui visita casa a casa e em imóveis sob responsabilidade de imobiliárias, bloqueio para eliminar criadouros, nebulização em regiões onde há caso confirmado de dengue e visitas agendadas.

Atualmente, a cidade registra 3.224 casos confirmados de dengue, sem óbitos.

Disque-dengue

Em caso de denúncia, os agentes podem ser acionados pelo Disque-Dengue: (17) 3531-9200.

Mariana Lachi
Mariana Lachi
Mariana Lachi - Jornalista com formação em Comunicação Social e Pedagoga. Experiência em um pouquinho de tudo: TV, rádio, revista, assessoria de imprensa e jornal impresso. Atua há mais de 20 anos com mídia.
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

POSTS POPULARES