18.2 C
Catanduva
sexta-feira, junho 21, 2024
spot_img
InícioCatanduvaJustiça quebra sigilo bancário e fiscal da Associação Bom Pastor, a pedido...

Justiça quebra sigilo bancário e fiscal da Associação Bom Pastor, a pedido da CEI

A Justiça deferiu o pedido feito pela Comissão Especial de Inquérito (CEI) criada pela Câmara Municipal de Catanduva para apurar a verdade sobre os loteamentos da Associação Bom Pastor e determinou a quebra dos sigilos fiscal e bancário da entidade, fundada pelo atual prefeito de Catanduva, Osvaldo de Oliveira Rosa.

Os documentos foram analisados pelos membros da CEI, em reunião realizada na manhã desta segunda-feira (20).

Numa leitura preliminar do material, eles puderam identificar indícios de graves irregularidades, incluindo mau uso e até mesmo possíveis desvios do dinheiro que foi pago pelos associados, na esperança de conseguirem um imóvel próprio.

A CEI já planeja realizar uma sessão de oitivas ainda nesta semana, em dia e horário a serem divulgados em breve, para esclarecer detalhes dessa situação.

“O que pudemos ver, até agora, é estarrecedor. Se os indícios que encontramos de fato se confirmarem, estaremos diante do maior caso de estelionato da história deste estado, praticado contra pessoas carentes, em sua maioria, e que foram ludibriadas no sonho da casa própria”, afirma o vereador Mauricio Gouvea, presidente da CEI.

Além dele, a comissão também é composta por Marquinhos Ferreira (relator) e Gleison Begalli (membro), com os trabalhos sendo secretariados pelo servidor do Legislativo Reginaldo Puydinger.

Mariana Lachi
Mariana Lachi
Mariana Lachi - Jornalista com formação em Comunicação Social e Pedagoga. Experiência em um pouquinho de tudo: TV, rádio, revista, assessoria de imprensa e jornal impresso. Atua há mais de 20 anos com mídia.
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

POSTS POPULARES