12.2 C
Catanduva
quarta-feira, maio 29, 2024
spot_img
InícioDestaquesPrefeitura de Rio Preto inaugura escola de panificação no Fundo Social

Prefeitura de Rio Preto inaugura escola de panificação no Fundo Social

Numa iniciativa do Fundo Social de Solidariedade da Prefeitura de Preto, foi inaugurada nesta segunda-feira, 19, às 15 horas, a Escola de Panificação Dalila Medeiros Grisi, oferecendo cursos gratuitos de panificação para quem pretende se profissionalizar e obter renda extra.  

Sob a direção da culinarista  Nelly Vendramini, a escola tem programação toda terça e sexta-feira, ensinando a produzir pães, bolos e salgados para alunos de qualquer faixa etária. Os cursos podem durar uma semana ou um mês, dependendo da complexidade do produto escolhido.

Com a presença da filha Letícia Grisi e de vários netos, a cerimônia foi capitaneada pelo prefeito Edinho Araújo e primeira-dama Maria Elza, com a presença dos vereadores Jean Charles e Bruno Moura, do deputado estadual Itamar Borges, do assessor especial Zeca Moreira, do secretário do Trabalho, Rodrigo Demécio, secretário da Agricultura Pedro Pezutto, secretário de Obras Israel Cestari, representantes do Semae e das secretarias de Serviços Gerais e Educação.

O prefeito Edinho Araújo louvou os méritos de dona Dalila e enalteceu o trabalho dela como pioneiro: “Foi o primeiro bufê na cidade, com muitas dificuldades a vencer,” disse o prefeito lembrando que não havia terceirizadas como hoje atendendo os bufês. “Dona Dalila fica marcada na história de Rio Preto,” completou

Também participaram algumas alunas como Gabriela dos Santos (que passa a ser professora de pães). “A escola é uma oportunidade para pessoas que querem fazer algo produtivo em sua vida e aumentar sua renda,” disse Gabriela. No cardápio da escola, constam pães de cenoura, caseiro, mandioca, cebola, batata doce, roscas doces e bolos, entre outros quitutes.

Um casal de aposentados se filiou ao aprendizado: Maíra e Pedro Lopes estão aproveitando a aposentadoria para aprender a fazer massa e encantar a família e amigos. “Uma opção saudável. Vamos engordar juntos agora,” dizem.

“Acho maravilhosa essa iniciativa de batizar um projeto tão humano com o nome da minha mãe, tem todo o sentido da vida dela que gostava de servir o outro pela comida. A disposição de servir a pessoa era muito grande e ela nos repassou isso muito bem. Sempre atenta ao trabalho dizia: hoje tem que ser melhor que ontem”, disse Letícia que tinha se associado à mãe logo nos primeiros anos, em seguida entrou a neta Ana Carolina aos 18 anos de idade. 

Ao todo foram 46 anos do Buffet Dalila Grisi que chegou a fazer 200 e poucos eventos no ano. As grandes festas e casamentos eram feitas por Dalila e Letícia Grisi.

A direção da Escola de Panificação está a cargo da culinarista Nelly Vendramini, vitoriosa já em outros lances da prefeitura como o Copão, uma cooperativa de alimentação que faz com sucesso bolos e salgados para eventos e para particulares.

Para se inscrever, basta procurar o Fundo Social na rua Pedro Amaral, 3578, Vila Ercília. Mais informações pelo telefone 3214-9010.

Mariana Lachi
Mariana Lachi
Mariana Lachi - Jornalista com formação em Comunicação Social e Pedagoga. Experiência em um pouquinho de tudo: TV, rádio, revista, assessoria de imprensa e jornal impresso. Atua há mais de 20 anos com mídia.
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

POSTS POPULARES