30 C
Catanduva
domingo, junho 23, 2024
spot_img
InícioCatanduvaRepleta de atividades, Semana da Diversidade é realizada em Catanduva

Repleta de atividades, Semana da Diversidade é realizada em Catanduva

Com o objetivo de informar, sensibilizar e conscientizar, a Semana da Diversidade de Catanduva começa nesta segunda-feira. Além de palestras e rodas de conversa, realizadas diariamente, a ação conta com música e será encerrada na segunda-feira, véspera de feriado, com a tradicional parada da diversidade.  

Confira a programação:

07/11/22 – Abertura da Semana da Diversidade Catanduva 2022

Local: Estação Cultura (Rua Rio de Janeiro, 100) Horário: 14h30

Atividade: “Lançamento de Capacitação e Roda de Conversa”

Organização: Conselho Municipal dos Direitos LGBTs.

08/11/22 – Palestra

Local: Estação Cultura (Rua Rio de Janeiro, 100) Horário: 19h30

Atividade: Os avanços/retrocessos na conquista pelos direitos da população LBTQIA+ e a nova abordagem da medicina sobre a diversidade

Palestrantes: Luiz Gustavo Cunha Claudino

Graduado no Centro Universitário Padre Albino (2017)

Especialista em Medicina de Família e Comunidade Pelo Programa de Residência de

Medicina de Família e Comunidade da Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro (2020)

Pós-graduado em Preceptoria em Medicina de Família e Comunidade pelo UNASUS (2021)

Atualmente Médico de Família e Comunidade e coordenador da Residência de

Medicina de Família e Comunidade da UNIFIPA.

Juliana Guidi Magalhães – professora da UNIFIPA, Doutoranda em promoção da saúde, Mestra em Sociologia, especialista em Direito Tributário, formada em Direito e

Ciências Sociais.

Organização: FAMECA

09/11/22 – Roda de Conversa

Local: SENAC Horário: 14h00 às 15h30

Atividade: Trabalho Inclusivo

Mediador: DANIEL CAMARGO

Organização: SENAC

09/11/22 – Palestra

Local: SENAC Horário: 19h00 às 20h30.

Atividade: “Caminhos para a Construção de um mundo do trabalho inclusivo”

Palestrante: DANIEL CAMARGO. Mestre em Educação, especialista em Gestão e

Governança e em Direito Homoafetivo e de Gênero, sendo graduado em Letras, Pedagogia e Gestão Pública. Além de técnico educacional/coordenador pedagógico do

Senac Sorocaba, é pesquisador e realiza palestras e oficinas no campo dos direitos humanos para toda rede do Senac São Paulo.

Organização: SENAC

10/11/22– III Ciclo de Palestras sobre Direito e Sexualidade

Local: UNIFIPA – Campus II Horário: 19h30

Atividade: Palestras – A primeira palestra terá como tema “Vidas LGBTQIA+: reflexões para não sermos idiotas”; pela advogada e mestre Mariana Serrano. Na sequência, a doutoranda em Direito Heloisa Pancotti aborda “Previdência Social e a População Trans: perspectivas e desafios”.

Organização: Professora Márcia Menin.

Palestrantes:

Mariana Serrano: Advogada. Mestre em Direito pela PUC/SP. Autora do livro “LGBTQIA+: reflexões para não sermos idiotas”. Membro do Conselho Científico da

Revista de Direito da Saúde Comparado da UNISA. Ex-Coordenadora do Núcleo de

Diversidade e Inclusão no Trabalho da Comissão de Diversidade Sexual e de Gênero da

OAB/SP (2019 a 2021). Cofundadora e ex-diretora de atendimento a vítimas da Rede

Feminista de Juristas – FEM (2016 a 2020). Já realizou mais de 500 atendimentos voluntários a vítimas de violências decorrentes de gênero e LGBTfobia. Especialista em

Direito das Famílias, das Mulheres e da população LGBTIA+.

Heloisa Pancotti: Advogada, professora de Direito da Seguridade Social, mestre e doutoranda em Direito. É pesquisadora de Direito Previdenciário e Gênero, atualmente vinculada à Universidade Estadual do Norte do Paraná. É escritora, tendo publicado as seguintes obras jurídicas: Previdência Social e Transgêneros, Limbo

Trabalhista Previdenciário e outros casos da prática previdenciária, pela editora Juruá,

Direitos da População LGBTQIA+, pela Editora Todas as Musas. É parecerista da Revista da Defensoria Pública da União e Compõe o conselho editorial da Revista de Prática

Previdenciária, da Editora Paixão. É conselheira editorial e científica da Revista

CORLGBT da Universidade Federal do Paraná. É diretora científica IEPREV para assuntos relacionados à Previdência Social e população LGBTQIA+.

11/11/22 – Show Musical com Assucena

Local: SESC Catanduva – QUISQUE B Horário: 20h as 21h30

Atividade: Como parte integrante da programação da Semana da Diversidade, em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos LGBTs; o Sesc apresenta o show de

Assucena. Depois de seis anos à frente da banda As Baías, com a qual foi indicada duas vezes ao Grammy Latino e recebeu dois Prêmios da Música Brasileira, a artista estreou em dezembro de 2021 sua carreira solo. Dentre as canções que integram o repertório do show Minha voz e eu, estão os dois primeiros singles lançados por Assucena nessa nova fase: a canção autoral inédita Parti do Alto; e uma releitura-homenagem de Ela, gravada por Elis Regina há 50 anos. Seus primeiros trabalhos da carreira solo têm sido muito bem recebidos pelo público e pela crítica especializada.

Minha Voz e Eu; é uma conversa entre a voz, a distorção, a melodia e a tecnologia. O show passeia por beats, violão e guitarra com um repertório autoral que se mescla à tradição da música popular brasileira, incluindo canções consagradas de Gonzaguinha,

Caymmi, Gal, Luiz Melodia e Tom Jobim. A tradição no seu encontro com o contemporâneo.

Acompanhada pelo multi-instrumentista Rafael Acerbi, que assina a direção musical do show, os artistas exploram também o potencial do instrumental com o violão, guitarras com distorção e bases minimalistas.

Organização: SESC

12/11/22 – Bate Papo Micro Agressões

Local: SESC Catanduva – Sala de Ginástica Horário: 14h30.

Atividade: Com Rita Von Hunty. Mediação de Rita Repulsa.

Organização: SESC

Com o propósito de informar, sensibilizar e conscientizar a população dos problemas e soluções que envolvem as questões de Gênero e Sexualidade bem como quais os caminhos a serem tomados, o Sesc Catanduva em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos LGBTs, realiza de 07 a 13 de novembro, a Semana da Diversidade.

Nesta aula, Rita lança alguns fundamentos de análise de processos históricos e psicanalíticos para então conceituar as ideias de agressão, opressão, exclusão e vulnerabilidade. A partir desse ponto, a aula procura conceituar os processos de percepção da realidade para de fato chegar ao conceito atual deste trabalho: Micro agressões; e como elas ocorrem em ambientes corporativos e como podem ser identificadas, geridas e erradicadas.

O objetivo deste encontro é nivelar compreensões, fundamentar debates e instrumentalizar as pessoas presentes para traçarem planos e agirem sobre suas realidades.

Mediação de Rita Repulsa, personagem do ator Thales Maniezzo.

14/11/22 – Marcha da Diversidade

Local: Concentração Praça 09 de Julho, descendo a Rua Brasil até a Prefeitura

Horário: 15h30.

Ação: A marcha tem o intuito de dar visibilidade a comunidade LGBTQIA+. Para mostrar que existimos e resistimos.

Organização: Conselho Municipal dos Direitos LGBTs.

14/11/22 – Parada da Diversidade

Local: Recinto de Exposições Horário: 18h30.

Atividade: Parada da Diversidade

Organização: COP – Comissão de Organização da Parada

Mariana Lachi
Mariana Lachi
Mariana Lachi - Jornalista com formação em Comunicação Social e Pedagoga. Experiência em um pouquinho de tudo: TV, rádio, revista, assessoria de imprensa e jornal impresso. Atua há mais de 20 anos com mídia.
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

POSTS POPULARES