16.1 C
Catanduva
sexta-feira, julho 12, 2024
spot_img
InícioRegiãoEnergisa alerta sobre acidentes envolvendo cercas temporárias instaladas em áreas rurais 

Energisa alerta sobre acidentes envolvendo cercas temporárias instaladas em áreas rurais 

Profissionais que fazem a leitura do consumo de energia elétrica nas propriedades rurais da região rotineiramente se deparam com um risco quase imperceptível aos olhos: as cercas temporárias e sem sinalização, colocadas em estradas e passagens rurais.  Geralmente instaladas para delimitar a área de pastagem e manejo dos animais, as cercas de arame farpado ou liso, nem sempre são facilmente visualizadas por quem está de moto ou de bicicleta, o que acaba causando acidentes. 

De acordo com os leituristas da Energisa, o desafio de identificar um arame que “até então não estava na rota”, fica ainda mais difícil nos dias de chuvas. “Nossos leituristas visitam os clientes mensalmente. Porém, há situações em que em um mês a estrada estava livre e no mês seguinte o condutor é surpreendido pela via obstruída por um arame esticado e não sinalizado. Em alguns casos dá tempo de frear. Mas infelizmente tivemos ocorrências em que, mesmo pilotando a motocicleta a uma velocidade baixa e compatível com a via, o leiturista se acidentou, sofrendo fraturas e outros lesões por causa da queda”, detalha Juliana Volpi, coordenadora de Saúde e Segurança da Energisa Sul-Sudeste. 

Conduta preventiva 

O alerta à comunidade se faz indispensável principalmente porque essa é uma situação que pode acometer qualquer um que trafega pelas estradas rurais da região. “Por isso, nossa orientação, tanto aos proprietários rurais quanto aos profissionais que são responsáveis pelo manejo do gado, é para que tenham o cuidado preventivo de sinalizar as cercas temporárias. Uma placa, um tecido ou qualquer material visual que chame a atenção, posicionado corretamente, pode evitar um acidente grave e até fatal”, enfatiza a coordenadora. 

Juliana acrescenta que pela segurança dos condutores, todas os veículos da Energisa são equipados com telemetria, uma tecnologia que monitora a velocidade e as condições da via, emitindo alertas instantâneos de qualquer conduta arriscada na direção. Além disso, os profissionais passam por treinamentos para direção segura e defensiva. “Todavia, há muitas pessoas que fazem trilhas pelas estradas rurais da nossa região e que não têm esse mesmo cuidado e podem ser surpreendidas, da pior maneira possível, por um arame no meio da passagem”, finaliza. 

Mariana Lachi
Mariana Lachi
Mariana Lachi - Jornalista com formação em Comunicação Social e Pedagoga. Experiência em um pouquinho de tudo: TV, rádio, revista, assessoria de imprensa e jornal impresso. Atua há mais de 20 anos com mídia.
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

POSTS POPULARES