16.7 C
Catanduva
quinta-feira, julho 18, 2024
spot_img
InícioRegiãoSão José do Rio PretoProjeto de educação alimentar da rede municipal de ensino de Rio Preto...

Projeto de educação alimentar da rede municipal de ensino de Rio Preto está entre os melhores do Brasil

O quarto livro que será lançado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) em março de 2023, sobre a Jornada de Educação Alimentar e Nutricional, trará o projeto desenvolvido pela nutricionista Ednéia Margareth de Azevedo da Silva, da Secretaria de Educação de Rio Preto, com alunos da rede municipal.

Durante um ano os temas propostos pelo programa foram desenvolvidos pela nutricionista com 164 alunos de 3 a 5 anos da EM Elvira de Guzzi Ribeiro, com apoio da diretora Clenir dos Santos Rocha e da coordenadora Glauciana Paro Delgado de Marchi. A iniciativa tem como objetivo incentivar o debate e a prática de ações de educação alimentar no ambiente escolar, incentivando a alimentação adequada e prevenção de obesidade.

Os alunos desenvolveram diversas atividades, como visita a uma horta de agricultura familiar e a construção de uma maquete, além de cultivo de plantas para temperos e chás com a participação dos pais. Eles resgataram tradições alimentares das famílias fazendo duas “receitas de vó”, um requeijão cremoso e biscoitos de polvilho, e a atividade que foi premiada, descobrindo novas receitas.

Nesta etapa foram preparados junto com os alunos o ‘Inhaminho’, uma receita com inhame e morango que resulta em um produto similar ao conhecido danoninho, e o pão de mandioquinha.

“Começamos com a apresentação dos alimentos in natura trabalhando a cor, forma, textura, cheiro e os benefícios para saúde. Os alunos ajudaram no preparo das receitas e, depois de prontas, experimentaram. No início teve uma certa resistência, mas depois até repetiram. A experiência deu tanto resultado que muitas mães solicitaram as receitas para fazer em casa a pedido das crianças”, conta Ednéia.

Esta atividade, juntamente com as fotos que foram registradas, estarão no livro que será lançado em março de 2023 pelo FNDE com os cinco melhores projetos desenvolvidos pelos profissionais em cada categoria.

“Estou me sentindo reconhecida. Há vários anos desenvolvo este trabalho e somente agora fiz a inscrição. Estar entre os selecionados mostra que temos que continuar e ampliar para que mais crianças tenham conhecimento sobre a importância em manter uma alimentação saudável”, diz a nutricionista.

O projeto desenvolvido na EM Elvira de Guzzi faz parte do mesmo trabalho que a nutricionista desenvolve nas outras escolas da rede municipal. Todos os meses a profissional visita as unidades e realiza atividades sobre a importância da alimentação saudável. Com palestras, ensina formas alternativas para incentivar esta prática, como a degustação de palitos de cenoura, pepino ou beterraba, acompanhados de molho de iogurte.

Em 2022 o projeto atendeu cerca de 4,5 mil alunos em 34 escolas de educação infantil e ensino fundamental e, em 2023, a expectativa é aumentar o número de atendimentos.

Mariana Lachi
Mariana Lachi
Mariana Lachi - Jornalista com formação em Comunicação Social e Pedagoga. Experiência em um pouquinho de tudo: TV, rádio, revista, assessoria de imprensa e jornal impresso. Atua há mais de 20 anos com mídia.
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

POSTS POPULARES